Crónica de jogo: Técnico-Cascais, 3-16

210760882_3756328277805156_2977031260660297084_n
24/09/2021

Não foi o arranque desejado, confirmando que ainda faltam ganhar rotinas de jogo a uma equipa em renovação, mas o Técnico deixou nesta sexta-feira sinais positivos num jogo muito equilibrado com o Cascais, uma das equipas que mais investiu para esta época.

Nas Olaias, no jogo inaugural da Divisão de Honra 2021-22, a ausência de Bruno Rocha, Pedro Lucas e André Arrojado, que voltaram a serem convocados para representarem os Lusitanos XV, debilitou os campeões nacionais na primeira-linha, factor que foi bem aproveitado pelo Cascais, que triunfou por 3-16.

A jogar a favor do vento nos primeiros 40 minutos e com um pack avançado forte fisicamente, onde se destacava a primeira-linha poderosa e a terceira-linha com internacionais portugueses experientes, o Cascais chegou ao intervalo a vencer por 0-3 com a concretização de um pontapé de ressalto.

Na segunda parte, o Técnico conseguiu ter mais bola e ascendente territorial, mas sentiu dificuldades nas fases estáticas e no ataque.

Com vantagem nas formações-ordenadas, a equipa cascalense conseguiu marcar dois ensaios, o último já nos instantes finais, garantindo uma vitória por número que não reflectem o equilíbrio que existiu durante toda a partida.

XV do Técnico: 1- Manuel Ferreira; 2 – Rodrigo Bento; 3 – Miguel Seoane; 4 – Iosefa Fiola; 5 – Cleber Júnior; 6 – Bernardo Batista; 7 – Johntahn Kawau; 8 – Tomas Suarez; 9 – Bernardo Figueira; 10 – Kane Hancy; 11 – Francisco Salgado; 12 – Diogo Salgado; 13 – Hayden Hann; 14 – António Cardoso; 15 – Hugo Trigueiro (3).

Suplentes: 16 – Francisco Diogo; 17 – Martim Martinho; 18 – Simão Medeiro; 19 – Gonçalo Costa; 20 – Diogo Teixeira; 21 – Manuel Vallêra; 22 – Rodrigo Sampaio; 23 – Guilherme Sampaio.

Patrocínios e apoios
Patrocínios

Apoios